Uma mãe só descobre no dia seguinte ao olhar as câmeras o porque o bebê chorou durante a noite toda

Quando as mães dão à luz aos seus bebês, elas se tornam uma verdadeira “mãe coruja”, e querem ficar o tempo todo perto do filho para ver se está tudo bem.

O recém-nascido também deseja ficar sempre perto da mãe, pois quando ele sente o calor de seu abraço percebe que está protegido e longe de qualquer perigo.

Recentemente, um vídeo envolvendo um bebê de alguns meses está viralizando nas redes sociais.

A mãe da criança sempre foi muito preocupada com o filho, por isso, ela instalou uma câmera de segurança em seu quarto para ver o que ele fazia a todo os momentos. Mas, um dia, enquanto ela estava dormindo, algo terrível aconteceu.

O bebê não conseguia dormir e estava chorando muito em seu berço, mas, infelizmente, a mãe não o ouviu.

Então, a criança decidiu tentar sair sozinha do próprio berço e um acidente terrível podia acontecer.

O vídeo é impressionante, a criança ficou se equilibrando na beirada de seu berço. Muitos disseram que o bebê estava possuído, já outros falaram que foi as mãos de Deus segurando a criança. O que você acha?

Bebê que pula do Berço? Saiba algumas dicas de mãe
Nunca liguei para berços antes de ter minha filha.

Depois que os filhos nascem ou temos alguém na família, ou em nosso círculo de amigos a prioridade é zelar pela vida desse ser indefeso e além de tudo uma missão diária.

Observando o desenvolvimento de Sophia, minha filha, pude perceber que durante os primeiros meses de vida o perigo dos berços estão, praticamente, em todos os objetos que podemos colocar no berço.

Até mesmo os enfeites, babados, brinquedos, enfim. O bebê ainda não tem seus movimentos coordenados nem mesmo desenvolveu sua noção de certo ou errado. E algumas coisas ainda levará anos para aprender, não é mesmo!?

Então, cuidado com exageros de coisas no entorno ou dentro do berço. Sei que para nós, mamães pode parecer lindo, coisa dos sonhos e tal. Mas também pode representar um perigo muito maior que imaginamos.

Clique na seta amarela abaixo para continuar lendo.

PRÓXIMA PÁGINA
1 / 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *