Segundo Sol: Valentim acaba com Rosa após descobrir que filho é de Ícaro e que foi o “corno do século”

Rosa (Leticia Colin) revelará a Valentim (Danilo Mesquita) que Ícaro (Chay Suede) é o pai de seu bebê em Segundo Sol e ele ficará transtornado. A revelação da ex-garota de programa acontecerá após o rapaz flagrá-la com o amante num hotel e descobrir que é o “corno do século”.

Angustiada por ter sido cúmplice de Laureta (Adriana Esteves) por tirar a vida de Galdino (Narcival Rubens), mesmo sem a menor intenção, Rosa brigará com Valentim e pouco depois contará o que aconteceu na noite em que o capanga perdeu a vida a Ícaro.

“Eu não posso, eu sou cúmplice, não vê? Eu bati na cabeça de Galdino, eu dei a chance de Laureta fazer aquilo… aquela cena não sai de minha cabeça… eu gritei, gritei pra ela parar, eu tava apavorada, com muito medo… eu tô muito mal com isso, muito mal… acredita em mim, por favor…”, dirá a jovem.

O filho de Luzia (Giovanna Antonelli), então, chamará a amada para sair. “Eu acredito… Rosa, me escute, vou lhe falar pela última vez: bora esquecer isso tudo, vem comigo, fica comigo, eu amo você…”, falará ele. “Me leva daqui, vamos sair daqui, pra qualquer lugar…”, pedirá Rosa.

Os dois irão juntos para um hotel, sem imaginar que Valentim estará seguindo. Enfurecido, o filho de Beto Falcão (Emilio Dantas) baterá na porta do quarto onde os dois estarão e Rosa o deixará entrar. “Sou eu. Abre a porta, Rosa! Abre, Ícaro!”, dirá o rapaz. “Abre, Ícaro! Deixe ele entrar”, mandará a moça, após respirar fundo.

Ainda mais alterado, Valentim colocará para fora toda a raiva por estar sendo traído pela mulher que tanto ama e dirá que nunca mais vai querer olhar para Rosa. “Então é isso mesmo!?

Eu sou o corno do século? Não tem nada pra falar. Você é uma piranha vagabunda, Rosa! Não toca em mim! Eu não quero nunca mais olhar na sua cara!”, vai disparar ele, que após briga intensa sairá correndo.

Para a surpresa de Ícaro, Rosa decidirá ir atrás de Valentim e ele os seguirá.

No apartamento de luxo em que vivem, ela dirá que está sofrendo e, enquanto começa a chorar, pedirá perdão e tentará manter o relacionamento. “Não, Valentim, eu só queria que você fosse feliz, que a gente fosse feliz, eu juro! Eu sempre te amei! Eu te amo ainda!

Clique na seta amarela abaixo, após a publicidade, para continuar lendo.

PRÓXIMA PÁGINA
1 / 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *