Pés podem dar sinais de enfarto, AVC e mais doenças: teste caseiro denuncia risco

Coloque os pés em uma bacia com água fria por três minutos e logo em seguida, ponha-os em água quente (numa temperatura que não cause queimaduras).

Você pode fazer isso, inclusive, no chuveiro. É uma dica infalível para fazer seus pés voltarem ao normal.

2. Imersão em sulfato de magnésio

Em uma bacia com água morna (o suficiente para chegar até os tornozelos), misture uma xícara de sulfato de magnésio.

Deixe os pés repousarem nessa imersão por cerca de 15 minutos. Faça isso, de preferência, antes de dormir.

O sulfato de magnésio é excelente para diminuir o inchaço nos pés, pois ajuda a ativar a circulação sanguínea.

3. Compressa de vinagre de maçã

Rico em potássio, o vinagre de maçã também é um ótimo aliado na diminuição do inchaço nos pés.

Em um recipiente, misture o vinagre com água morna, na mesma proporção. Umedeça um pano de algodão na mistura e enrole os pés, deixando agir por pelo menos meia hora.

Faça isso sempre que sentir seus pés começarem a inchar.

4. Massagem com óleo de camomila

Nada melhor do que uma massagem para relaxar os músculos e ativar a circulação, além de diminuir a retenção de líquidos.

A camomila tem efeito relaxante e anti-inflamatório. Desta forma, o óleo dessa planta é excelente para diminuir o inchaço.

Passe um pouco nas mãos e esfregue até ficar aquecido, em seguida, é só passar nos pés em movimentos circulares e delicados.

5. Escalda pés de óleos essenciais

Para preparar esse escalda pés, coloque água morna até cobrir o tornozelo e uma xícara de sal.

Misture bem e adicione 2 gotas de cada óleo essencial: cânfora, lavanda e arnica.

Deixe seus pés nessa solução até que a água esfrie completamente, lavando e hidratando logo em seguida.

Clique na seta amarela abaixo para continuar lendo.

PRÓXIMA PÁGINA
2 / 4

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *