Mãe acha que vespa picou seu filho mas quando o pé dele começa a ficar azul, ela percebe a gravidade

Confira o que aconteceu com esta criança

A maioria de nós adora um lindo verão cheio de calor e bons momentos.

Ter uma refeição maravilhosa ao ar livre, ir para um lago ou floresta, longas caminhadas em uma praia… nada é tão bom quanto isso!

Mas infelizmente, com todo esse tempo extra ao ar livre, o verão vem com certos riscos.

Um fato que Kristoffer Nordgarden, de 3 anos de idade, experimentou dolorosamente em primeira mão.

Com o verão, chega o tempo de ficar de pés descalços portanto.

Aumentando o risco de ferimentos ao pisar acidentalmente em algo afiado … ou até mesmo a vida selvagem.

Mas quando Kristoffer, de três anos de idade, de repente correu para sua mãe.

Elisabeth Nordgarden, um dia, ela inicialmente não achava que fosse algo sério.

Corpo inchado“Eu e os meninos estávamos visitando meus avós”, disse Elisabeth à NRK.

“Então Kristoffer começou a chorar e subiu no meu colo. Nós pensamos que ele tinha sido picado por uma vespa ou se arranhou em um galho.

Elisabeth Nordgarden nunca poderia imaginar que aquele fim de semana acabaria sendo um dos mais dramáticos que já viveu.

Cerca de 15 minutos depois, o pé de Kristoffer começou a inchar e a ficar azul.

“A ambulância e o helicóptero chegaram rapidamente.

Eles afirmaram que era uma picada de cobra víbora e fomos imediatamente para um hospital”, disse Elisabeth.

Kristoffer prontamente recebeu um antídoto e começou a mostrar sinais de recuperação.

Seus sinais vitais estavam ok, mas de repente, ele piorou. Muito.

Descobriu-se que o menino tinha uma hemorragia no intestino.

Clique na seta amarela abaixo, após a publicidade, para continuar lendo.

PRÓXIMA PÁGINA
1 / 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *