Fernanda Lima quebrou o silêncio e manda recado após ataque de Eduardo Costa | Rodrigo Hilbert entra na briga

As polêmicas envolvendo as eleitores do atual presidente e a classe artística segue a pleno vapor, mesmo depois da eleição do candidato do PSL.

Desta vez, a controvérsia envolve Fernanda Lima e o sertanejo Eduardo Costa.

Ele fez críticas fortes à apresentadora da Globo depois que um vídeo com um trecho de discurso dela no programa foi publicado no Instagram.

A apresentadora rebateu os comentários e disse que a atração está de pé até hoje porque a motivação de sua equipe e de todas as mulheres é “provocar reflexões”.

“O programa mulher, que foi ao ar esta semana, foi gravado em julho, e assim como os outros tem sido preparado com esmero e carinho há meses.

Nossa equipe está muito feliz com os debates que o programa mulher tem gerado, pois a nossa motivação é provocar reflexões sobre o papel da mulher na sociedade.

Como podemos desconstruir as estruturas machistas, homofóbicas e racistas que aprisionam as mulheres e homens. O amor cura”, escreveu.

A famosa também aproveitou para agradecer o apoio dos fãs, amigos e familiares, que ficaram ao lado dela no momento da repercussão das agressões do cantor sertanejo.

“Gostaria de agradecer o carinho das pessoas que têm se manifestado positivamente em relação ao programa que foi ao ar na última terça-feira, sobre a mulher.

Estou recebendo muito amor e com isso renovando minhas energias para seguir a caminhada. É muito importante receber o reconhecimento do papel NO SEU PROGRAMA em defesa da igualdade e da diversidade.

É um trabalho que leva meses para ser desenvolvido, com cada tema pesquisado, escrito e gravado com meses de antecedência”, completou. Assista:

No vídeo, ela diz: Chamam de louca a mulher a mulher que desafia as regras e não se conforma.

Clique na seta amarela abaixo, após a publicidade, para continuar lendo.

PRÓXIMA PÁGINA
1 / 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *