Esse calombo pode aparecer no seu pulso por causa de uma coisa que você faz todos os dias, saiba qual!

Quando lesões ou marcas aparecem em regiões do corpo como nossas mãos, dedos e pulsos, podemos atribuir ferimentos, mordidas de insetos ou outros acidentes casuais. Os efeitos, no entanto, podem ser indicação de problemas de saúde maiores.

Hoje, nós vamos falar de uma marca comum que você já pode ter percebido no seu corpo ou nos das pessoas que fazem parte de seu convívio.

Percebido como um calombo, a alteração é conhecida pelo nome de cisto sinovial e se trata de uma formação benigna que aparece na forma de cápsula ou cisto, como o próprio nome sugere.

Os cistos são os tipos de calombos mais comuns nas mãos, mas não representam grandes ameaças. As deformações não são cancerígenas e, na maioria das vezes, são inofensivas. Elas podem ocorrer em várias partes do corpo além do pulso, onde são mais frequentes.

Além disso, podem variar de tamanho e crescer se o movimento da parte afetada aumentar. Por outro lado, as marcas também ficam menores após descansos.

Esses calombos preenchidos com fluidos podem aparecer, desaparecer e mudar de tamanho e não costumam precisar de tratamentos avançados. Porém, se o cisto causa dores, influencia nas funções comuns do corpo ou desenvolve aparências estranhas demais, podem ser tratados de diferentes formas.

Causas

A causa por trás formação dos cistos nos pulsos não é exatamente conhecida. Eles são mais comuns em pessoas com idades entre 15 e 40 anos, sendo que as mulheres costumam ser mais afetadas do que os homens.

No caso de cistos que aparecem no fim dos ligamentos dos dedos – também chamados de cistos mucosos, podem estar associados a artrite e são mais presentes e mulheres de 40 a 70 anos.

Entre os diversos motivos relacionados à aparência dos calombos estão a fraqueza do sistema ósseo, um ferimento ou lesão recente na área, uma fratura que não se recuperou apropriadamente, doenças degenerativas ou inflamações das juntas e movimentos repetitivos.

Esse último, provoca o surgimento dos cistos com frequência entre músicos, trabalhadores que utilizam computadores ou ginastas.

Clique na seta amarela abaixo, após a publicidade, para continuar lendo.

PRÓXIMA PÁGINA
1 / 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *