Depois que os papéis da adoção foram assinados, uma reação inesperada ocorreu no tribunal

“Em 2010, meu marido, Tyler, assinou um contrato com a 101ª Divisão Aeronáutica do Exército dos Estados Unidos.

Vinte dias após o treinamento básico, ele foi enviado para sua primeira missão no Afeganistão.
Sua unidade iria estabelecer recordes e receber muitos prêmios, incluindo a citação da unidade presidencial vinda direto do presidente.

Ele teve a sorte de voltar para casa após os acontecimentos, pois vários de seus “irmãos” não o fizeram… Ele ficou em casa por dois anos antes de voltar ao Afeganistão, em 2013-2014.”

“Chegando em casa de depois de sua segunda missão, ele logo percebeu que não havia deixado a guerra completamente e sabia que precisava de ajuda…

Ele optou por não se alistar quando chegou a hora novamente, mas decidiu procurar tratamento no centro médico para veteranos de guerra em Ohio.

Ele foi diagnosticado com TEPT (Transtorno do estresse pós-traumático) em 2015. Atualmente, ele está envolvido com o centro de veteranos e terapia semanal, mas ainda luta diariamente com as memórias que trouxe da guerra.

“Eu tenho lutado contra a doença de Crohn há 17 anos. Eu fui diagnosticada quando tinha 15 anos. Desde então, passei por dezenas de cirurgias para reparar os bloqueios de Crohn.

PRÓXIMA PÁGINA
1 / 5

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *