Depois destratar Fernanda Lima com discurso de ódio, Globo aceita receber Eduardo Costa e choca

Nesta última semana, um dos assuntos mais comentados na mídia foi a confusão envolvendo Eduardo Costa e Fernanda Lima.

O cantor se revoltou com o discurso feminista e empoderado da global no programa e desceu o verbo, chamando-a de imbecil e não a poupou de criticas. Apesar disso, as portas da Globo continuaram aberta para receber o sertanejo.

Na última quinta-feira, 08 de novembro, ele esteve na emissora e gravou participação no Altas Horas, ao lado de Fernanda Gentil, Leandro Hassum e Mumuzinho.

A expectativa era de que o programa fosse exibido neste sábado, 10 de novembro. Cogitou-se que a Globo fosse cancelar o programa, mas em nota enviado ao UOL, o canal explicou que houve apenas mudança na data de exibição.

“O programa não foi cancelado. É uma rotina da Globo [realizar] a gravação de programas para cobrir férias dos apresentadores.

A edição do ‘Altas Horas’ que conta com a participação dos cantores Eduardo Costa e Mumuzinho, do ator Leandro Hassum e da jornalista Fernanda Gentil tem previsão de exibição para janeiro de 2019, quando Serginho Groisman sai de férias”, dizia o comunicado.

ENTENDA A CONFUSÃO

O cantor Eduardo Costa se revoltou com um discurso feito pela apresentadora da Globo Fernanda Lima no programa.

Clique na seta amarela abaixo, após a publicidade, para continuar lendo.

PRÓXIMA PÁGINA
1 / 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *