Carta de um velho pai para o seu filho é de ficar com lágrimas nos olhos

Carta emocionante que um velho pai escreveu para o seu filho, É de ficar com as lágrimas nos olhos.

Todos deviam ler isto, talvez mude a tua maneira de pensar e agir!

“Amado Filho,

O dia em que este velho já não for o mesmo, tenha paciência e me compreenda.

Quando eu derramar comida sobre minha camisa e esquecer como amarrar meus sapatos.

Tenha paciência comigo e se lembre das horas que passei te ensinando a fazer as mesmas coisas.

Se quando conversa comigo, repito e repito as mesmas palavras e sabes de sobra como termina, não me interrompas e me escute.

Quando era pequeno, para que dormisse, tive que contar-lhe milhares de vezes a mesma história até que fechasse os olhinhos.

Quando estivermos reunidos e, sem querer, fizer minhas necessidades, não fique com vergonha e compreenda que não tenho a culpo disto.

Pois já não as posso controlar. Pensa quantas vezes quando menino te ajudei e estive pacientemente a seu lado.

Esperando que terminasse o que estava fazendo.

Não me reproves porque não queira tomar banho; não me chames a atenção por isto.

Lembre-se dos momentos que te persegui e os mil pretextos que tive que inventar para tornar mais agradável o seu banho.

Quando me vejas inútil e ignorante na frente de todas as coisas tecnológicas que já não poderei entender.

Te suplico que me dê todo o tempo que seja necessário para não me machucar com o seu sorriso sarcástico.

Lembre-se que fui eu quem te ensinou tantas coisas.

Comer, se vestir e como enfrentar a vida tão bem com o faz, são produto de meu esforço e perseverança.

Quando em algum momento, enquanto conversamos, eu chegue a me esquecer do que estávamos falando.

Clique na seta amarela abaixo, após a publicidade, para continuar lendo.

PRÓXIMA PÁGINA
1 / 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *