10 famosos que passaram a perna nas doenças

Há quem pense que a vida dos ricos e famosos não têm problemas como acontece com os anônimos.

Só que, infelizmente, ninguém tem um seguro contra maus momentos, incluindo aqueles que envolvem saúde.

 

Sharon Stone

A atriz, um dos maiores sex symbols de Hollywood, passou por uma morte clínica devido à ruptura de um aneurisma e hemorragia cerebral. Apesar dos problemas de fala que teve após a operação, menos de 5 anos depois, Sharon apareceu em “Instinto Selvagem 2″.

Depois de superar as dificuldades, a atriz passou a apoiar portadores de doenças graves. Por seu trabalho na caridade, Sharon Stone ganhou um Prêmio Nobel em 2013.

Michael J. Fox

Em 1991, o famoso ator foi diagnosticado com mal de Parkinson. Depois disso, foi indicado 5 vezes aos prêmios Emmy, sem falar em outras honrarias que recebeu.

Mas o principal propósito da vida do ator passou a ser ajudar outras pessoas a lutar contra a doença: ele criou uma fundação, com capital de 450 milhões de dólares, dedicada a buscar uma cura para o mal de Parkinson.

Julia Roberts

A atriz luta contra a púrpura trombocitopênica idiopática. A doença faz com que qualquer lesão na pele, por menor que seja, possa provocar uma forte hemorragia. Apesar disso, ela continua atuando, abocanhando prêmios e cuidando dos 3 filhos.

Ciente dos esforços e dos recursos materiais necessários para o combate a doenças graves, Julia dedica tempo e dinheiro à causa, tornando-se Embaixadora da Boa Vontade da UNICEF.

Ben Stiller

O famoso comediante passou por uma cirurgia para remover um tumor, além de ter se submetido a uma quimioterapia cansativa. Segundo o ator, inicialmente ele estava em pânico, mas começou a enxergar o lado positivo, já que o câncer estava em estágio inicial.

Ao voltar às atividades normais, Stiller passou a dedicar-se à luta para dar a outros pacientes uma chance de recuperação e de uma vida saudável. Ele apoia 25 entidades, entre elas um instituto de pesquisa do câncer e uma fundação que trabalha para minimizar o sofrimento dos pacientes.

Toni Braxton

Cinco vezes ganhadora do Grammy, a famosa cantora é portadora de lúpus, doença que faz com que o sistema imunológico ataque as células do próprio organismo.

Ao receber o diagnóstico, Tony começou a ajudar quem sofre do mesmo mal. A artista ajuda financeiramente outros pacientes e os inspira. Afinal, apesar do problema de saúde, ela nunca parou de alegrar seu público com suas canções.

Daniel Radcliffe

O intérprete de “Harry Potter” sofre de dispraxia, transtorno que dificulta a coordenação dos movimentos mais simples. Mesmo com a doença, que parece incompatível com a atuação, ele construiu uma carreira de sucesso no cinema.

A experiência obtida com o combate à doença permite que o ator aconselhe quem padece de problemas parecidos. Daniel fala da importância de nunca se render, pois foi a fé em si mesmo que o ajudou a virar o artista respeitado que é hoje.

Lady Gaga

Responsável por vários hits atuais, a cantora também é portadora de lúpus. Um dia, durante uma crise, ela postou um longo texto, contando sobre banheiras com gelo, cobertores de alumínio e outros tratamentos estranhos.

Conhecendo a fundo as dificuldades provocadas pela doença, Lady Gaga financia a luta contra o problema e oferece apoio moral a outros pacientes.

Michael C. Hall

O ator, que deu vida ao inesquecível Dexter, descobriu em 2010 que sofria de linfoma. Ao falar sobre sua experiência, ele lamentou que nem todas as pessoas tenham as mesmas oportunidades de tratamento.

Para apoiar outros pacientes, Hall virou representante oficial da Sociedade de Leucemia e Linfoma, que financia pesquisas sobre câncer e ajuda os portadores da doença.

Kylie Minogue

A cantora australiana soube, em 2005, que tinha câncer de mama. Ao vencer a batalha contra a doença, ela passou a investir recursos para demonstrar a importância do diagnóstico prematuro.

Graças ao caso de Kylie, milhões de mulheres passaram a realizar o autoexame com frequência. Por seu papel na briga contra problemas oncológicos, ela recebeu o título de doutora honorária das ciências da saúde.

Hugh Jackman

Em 2013, o ator foi diagnosticado com câncer de pele, e desde então passou por 6 cirurgias. Para muita gente, isso seria motivo para fazer uma pausa nas atividades, mas Jackman continuou trabalhando muito.

Provavelmente, ao encarar o diagnóstico, o ator se deu conta do quanto é importante apoiar quem sofre com doenças. Ele hoje financia 27 organizações que se dedicam a realizar pesquisas contra o câncer e outros problemas de saúde.

Foto de abertura: eastnews.ru
Fonte: incrivel.club

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *